Tamarilho – Solanum betaceum

 Solanum betaceum, Tomate-de-árvore, Sangue-de-boi, Tomatão, Tomate-francês, Tomate-brasileiro, Tomate-inglês, Tomarilho, Tomate-japonês, Tomate-maracujá

Foto: Winfried

O tamarilho é uma planta arbustiva, perenifólia, frutífera, nativa dos Andes do Peru, Equador, Chile, Colômbia e Bolívia, e que se espalhou por diversas regiões igualmente subtropicais, conquistando com seus frutos o paladar de diferentes culturas. Seu tronco é ereto, simples, lenhoso e emite ramos laterais após certa altura, não raro alcançando o porte de uma arvoreta, com cerca de 3 a 5 metros de altura. As folhas são simples, inteiras, verdes, grandes, pubescentes e de forma ovalada a cordiforme. As flores são róseas ou brancas, perfumadas e reunidas em cachos de 10 a 50. Elas podem se autopolinizar, mas ainda assim atraem abelhas e borboletas. Os frutos são comestíveis, tem um formato ovóide, com casca fina, brilhante, lisa ou rajada. Internamente, eles são septados, com numerosas sementes duras envoltas em uma polpa gelatinosa e assemelham-se aos tomates verdadeiros. De acordo com a variedade, os frutos podem ser amarelos, laranjas, vermelhos ou roxos.

O fruto do tamarilho é muito nutritivo e pobre em calorias, sendo rico em fibras, antioxidantes, minerais e vitaminas A, B6 e C. Além disso, é abundante em potássio, contribuindo para o equilíbrio de sais do nosso organismo. Os frutos tem um delicioso sabor agridoce e podem ser consumidos in natura, cozidos, grelhados ou assados. Eles são perfeitos para saladas, sucos, sorvetes, molhos, entradas, geléias e compotas.

Plante o tamarilho em canteiros protegidos do sol forte do meio dia e dos ventos e veja sua bela folhagem se desenvolver. De crescimento rápido, atinge o pico de sua produção aos 4 anos. No entanto, não é muito longevo, vivendo por cerca de 8 a 12 anos. Também pode ser cultivado em vasos e jardineiras amplas e drenáveis. Anualmente necessita de uma poda de formação e limpeza, que elimine os ramos que já frutificaram, estimulando assim a formação de nova ramagem e revigorando a planta. O tamarilho é cultivado comercialmente na Nova Zelândia, Portugal, África do Sul, Sri Lanka, Índia e Califórnia (EUA). Há alguns pomares comerciais no Brasil, mas seu plantio geralmente é em quintais e pomares domésticos.

Deve ser cultivado sob sol pleno ou meia sombra, em solo fértil, leve, bem drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado com frequência. Não tolera encharcamentos, que provocam um rápido apodrecimento do sistema radicular. Em climas secos, convém cultivá-lo sempre à meia sombra. Apesar de ser oriunda de clima subtropical, é importante protege-lo de ventos fortes e geadas. Não resiste ao calor excessivo ou estiagem. Multiplica-se por sementes ou por estaquia dos ramos, postos a enraizar em substrato mantido úmido. As sementes germinam em 20 dias.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

One comment on “Tamarilho – Solanum betaceum

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *