Palmeira-areca – Dypsis lutescens

A palmeira-areca é umas das palmeiras mais populares do mundo, tanto no jardim quanto na decoração de interiores. De estipes múltiplos, chega a ser muito entouceirada. Os estipes são elegantes, anelados, com bainhas de coloração verde-esbranquiçada a amarelada. As folhas são grandes, verdes, recurvadas, compostas por 20 a 50 pares de folíolos, com pecíolos e ráquis amarelados. As inflorescências são ramificadas, com numerosas e pequenas flores de cor branco-creme, perfumadas. Os frutos são verde-amarelados e tornam-se arroxeados quando maduros.

Em comparação com outras palmeiras, a areca-bambu apresenta rápido crescimento. Ela pode ser conduzida de duas formas: com porte arbustivo (com muitos caules – atinge até 3 metros) ou arbóreo (com poucos caules – atinge até 9 metros). O porte arbustivo é natural, isto é, não é necessário nenhum tipo de manejo para que a planta fique entouceirada. Já o porte arbóreo, é conseguido através da poda dos estipes excedentes pela base. Esta poda deve ser realizada continuamente, sempre que surgirem novas brotações, para que os estipes selecionados ganhem vigor e se sobressaiam.

Esta palmeira ainda é mais versátil do que se imagina, podendo ser amplamente utilizada no paisagismo tropical, seja isolada, em cercas vivas, grupos ou até mesmo envasada, em pátios e ambientes internos. Apesar de tolerar o sol pleno e crescer muito nestas condições, ela fica com as folhas amareladas, com as pontas queimadas. Suas folhas ficam mais vistosas e bonitas sob meia sombra ou luz difusa. Plantas envasadas que permanecem muitos meses em interiores devem receber um período de descanso em ambientes externos à meia-sombra para retomarem o vigor.

Deve ser cultivada sob pleno sol, meia-sombra ou sob luz difusa em solo fértil, leve, drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente. Tolerante a transplantes e ao frio leve. Aprecia umidade do ar elevada, e por este motivo não deve ser utilizada em ambientes com ar-condicionado. As adubações mensais restringem-se à primavera, verão e outono. Multiplica-se por sementes que germinam em 2 a 6 meses e por divisão das touceiras enraizadas.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

7 comments on “Palmeira-areca – Dypsis lutescens

  1. Gosto muito das arecas bambu. Elas, com seus frutinhos, alimentam as maritacas, que alegram tudo por onde passam!

  2. Infelizmente por precisei levantar o muro da frente de casa e desfazer o jardim que tinha do lado de fora. Depois de pronto o muro,usei até às a cada 0,80 cm de distância entre uma e outra. Como a frente da casa tem 30 metros , usei 12 áreas com 1,50 metros cada. Ficou lindo.

  3. Boa noite, Raquel!

    Plantamos algumas touceiras de Areca, de touceiras maiores que foram divididas. Me ensinaram que, ao plantar uma moita de Areca, não se deve enterrar a base dos caules. Apesar do aviso, o jardineiro exagerou na terra.
    Isso aconteceu há mais de um ano e as palmeiras tiveram seus desenvolvimentos praticamente estacionado. Os caules que cresceram, tiveram as pontas afinadas e as folhas estão pequenas.
    Foi retirada terra das bases e também foram adubadas, mas as palmeiras teimam em retardar o aparecimento de mais brotos.
    Pergunto: é verdade que não pode cobrir a base dos caules das Arecas? O posso fazer para resolver esse problema?
    Obrigado!

  4. É verdade sim. Nenhum tipo de árvore gosta que se mude o nível de terra sobre suas raízes. Mas tenha em mente, que como faz tempo que isso aconteceu, elas possivelmente passaram por algum declíneo, tanto do replantio, quanto do excesso de solo, como da adaptação com o novo solo. O ideal agora é fertilizar com adubos orgânicos e caprichar nas regas.

  5. tenho duas arcas ao lado da piscina em vaso e elas estao com as folhas super queimadas oque posso fazer para mudar isso?

  6. Tenho uma Palmeira areca bambu… comprei ela para ficar dentro de casa, mas segundo a pessoa que me vendeu disse para dar um banho de sol durante um dia na semana e aguar 1 vez na semana. Sendo assim, segui os concelhos da vendedora, mas com o passar do tempo as folhas começaram a secar…
    Portanto, gostaria de saber como faço para que a planta volte a ficar bonita e quais cuidados devo ter a partir de agora.

    Obs.: comprei a planta dentro de jarro médio.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.