Melão-de-são-caetano – Momordica charantia

  • Nome Científico: Momordica charantia
  • Sinonímia: Cucumis argyi, Momordica chinensis, Momordica elegans, Momordica indica, Momordica operculata, Momordica sinensis, Sicyos fauriei
  • Nomes Populares: Melão-de-são-caetano, Melão-amargo, Erva-de-lavadeira, Melãozinho, Fruta-de-negro, Erva-de-São-Vicente, Fruta-de-cobra, Boizinho, Balsamina-longa, Caramelo, Erva-de-são-caetano, Fruto-negro, Melão-de-são-caetano-gigante, Meloeiro-de-são-caetano, Caramelo, Quiabeiro-de-angola
  • Família:
  • Categoria: , , ,
  • Clima: , ,
  • Origem: , ,
  • Altura:
  • Luminosidade:
  • Ciclo de Vida:

O melão-de-são-caetano é uma planta trepadeira, monóica e frutífera, originária da Índia e da China, e amplamente cultivada em diferentes regiões do planeta. De textura herbácea, sua ramagem é flexível, pubescente e ramificada, e fixa-se nos suportes através de gavinhas curvilíneas. As folhas são lisas, membranosas, alternas, pilosas e profundamente lobadas, subdividindo-se em três a sete lóbulos. Floresce no verão, apresentando cada planta flores amarelas, pentâmeras, masculinas e femininas separadas. Elas surgem nas axilas das folhas, em inflorescências simples, isoladas. Após a polinização, seguem-se os frutos, semelhantes a pepinos, oblongos, de cor amarela ou laranja quando maduros, com uma casca rugosa de espinhos macios, e que se abrem em três valvas, expondo as sementes recobertas com um arilo vermelho e adocicado. As sementes são grandes e planas.

Fruto aberto. Foto de gailhampshire
Ocorrem três variedades diferentes de melão-de-são-caetano: uma pequena, com frutos amargos, com 10 a 20 centímetros de comprimento, e cerca de 100 a 300 gramas de peso; o longo chinês, de cor verde clara, poucas protuberâncias, ligeiramente amargo, de 30 a 60 cm e 200 a 600 gr; e o tipo triangular indiano, fortemente amargo, com protuberâncias triangulares, extremidades afiladas, com 9 a 12 cm e 300 a 600 gramas de peso. Os frutos do melão-de-são-caetano são usualmente consumidos ainda verdes, visto que assim, apresentam menor amargor e sabor mais suave. Eles possuem polpa aquosa e crocante, e com eles pode-se fazer uma diversidade de preparações culinárias, tomando parte principalmente em saladas, conservas, cozidos, fritos, refogados e ensopados. Eles tem uma ampla reputação como medicinal em diferentes culturas (ver quadro abaixo do texto principal).
Detalhe da flor. Foto de 영철 이
Seu plantio e condução são simples, com tratos culturais similares aos de pepinos domésticos. São rústicos e pouco acometidos por pragas. Para quem aprecia experimentar sabores exóticos, o melão-de-são-caetano é uma opção interessante para a horta doméstica. Também pode ser plantado em vasos e jardineiras. É importante no entanto, oferecer-lhe um suporte, preferencialmente uma treliça, para que possa subir durante seu desenvolvimento.

Deve ser cultivado sob sol pleno, em solo fértil, preferencialmente arenoso, enriquecido com matéria orgânica, drenável e irrigado regularmente. Se o solo for bem preparado e estercado antes do plantio, não se fazem necessárias adubações complementares durante o ciclo da planta. Aprecia o calor tropical, mas é capaz de resistir ao frio, com menor produtividade. Multiplica-se por sementes, postas a germinar em sementeira ou no local definitivo, protegidas do sol forte ou ventos. A germinação se dá em 5 a 7 dias. Quando as plântulas já tiverem cerca de 20 dias, pode lhe ser oferecido suporte para trepar.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Medicinal:

  • Indicações: diabetes, sarampo, hepatite, hemorróidas, úlceras, afecções da pele, HIV, aids, câncer, reumatismo, feridas, hipertensão, malária, corrimentos vaginais, problemas menstruais, sarna, eczema, hanseníase, resfriados, febre, cólicas, verminoses, disenteria
  • Propriedades: antibiótico, antimutagênico, abortifaciente, antioxidante, antileucêmico, antiviral, anti-diabético, antitumoral, aperitivo, afrodisíaco, adstringente, carminativo, citotóxico, depurativo, hipotensivo, hipoglicêmico, imuno-modulador, inseticida, lactagogo, laxativo, purgativo, refrigerante, estomáquico, laxativo, emético, tônico, vermífugo, emenagogo
  • Partes Utilizadas: Todas as partes da planta.

Alerta:

O melão-de-são-caetano pode se tornar invasivo em determinadas situações. Não consumir durante a gestação, pois possui propriedades abortivas.