Clerodendro – Clerodendrum speciosissimum

O clerodendro é uma planta arbustiva de floração exuberante, nativa de áreas da Ásia Tropical e Oceania e difundida em outros partes do planeta por suas qualidades como ornamental. Ele apresenta ramagem semi-herbácea, ereta e ramificada e pode alcançar cerca de 4 metros de altura, formando uma pequena arvoreta. Suas folhas são cordiformes, opostas, grandes, pubescentes, de cor verde escura, brilhantes e com margens irregularmente serrilhadas. As inflorescências são do tipo panícula, grandes, terminais, eretas acima da folhagem, com numerosas flores de cor vermelha, tubulares, pentâmeras e com longos estames. O florescimento pode se estender por todo ano sob clima quente, mas concentra-se na primavera e verão em clima subtropical a temperado. As flores além de belas, ainda são muito atrativas para abelhas e borboletas. O fruto é uma drupa inicialmente vermelha e a medida que amadurece se torna preta.

Frutos do Clerodendrum speciosissimum. Foto de Lauren Gutierrez

O C. speciosissimum é uma espécie muito rústica e exuberante, ainda pouco explorada no paisagismo. Ele pode ser plantado isolado, assim como em grupos e renques. É especialmente atrativo ao longo de avenidas, adornando o canteiro central. Como algumas outras espécies de clerondendro, este também tem uma tendência a escapar ao controle de cultivo, pois emite continuamente novas brotações a partir das raízes, aumentando gradativamente o tamanho da touceira. Por este motivo, é preferível cultivá-lo em espaços restringidos por um muro ou pavimento, nos cantos do jardim, em linha entorno de um bosque de árvores, em pátios, e especialmente em vasos, que podem enfeitar varandas e sacadas ensolaradas.

Deve ser cultivado sob sol pleno ou meia sombra, em qualquer tipo de solo, mas preferencialmente fértil, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente. Sua folhagem se torna mais densa sob sol pleno, assim como o florescimento, que é mais intenso. Em clima subtropical ou temperado quente, esta espécie de clerodendro se comporta como decíduo, perdendo as folhas durante o inverno e rebrotando com vigor na primavera. Multiplica-se por sementes, mas principalmente por separação dos brotos que surgem espontaneamente entorno da planta mãe.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Medicinal:

  • Indicações: Artrite, Afecções do fígado, Problemas de visão, Hemorróidas, Hérnia, Insônia
  • Propriedades: Medicina Tradicional Chinesa
  • Partes Utilizadas: Flores e Raízes

Alerta:

Uso medicinal sob restrita orientação médica. Planta tóxica. Pode se tornar invasiva em determinadas situações, escapando ao controle.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *