Cerefólio – Anthriscus cerefolium

O cerefólio é uma planta herbácea, anual, aromática, bastante utilizado na culinária francesa, onde entra na composição do clássico mix de ervas conhecido como “ervas finas”. Apresenta ramagem muito semelhante à da salsa e do coentro. Seu ciclo é curto, crescendo e rapidamentte florescendo e frutificando. Inicialmente as folhas são tripinadas, recurvadas, macias e aromáticas. Com o amadurecimento da planta, as folhas se modificam, tornando-se mais complexas, fibrosas e maiores. As flores brancas e pequenas reúnem-se em inflorescências do tipo umbela. Os frutos que se seguem são ovóides, com cerca de 1 cm de comprimento.

O cerefólio é um erva condimentar indispensável à culinária francesa, da mesma forma que aqui no Brasil utilizamos a salsa. Ele entra na preparação de diversos pratos, aromatizando legumes, aves, carnes, sopas, frutos do mar, omeletes, vinagretes, saladas, etc. Seu sabor é mais delicado do que a salsa, com um toque refrescante de anis ou alcaçuz. Deve ser preferencialmente utilizado fresco, no final do preparo, logo antes de servir, preservando assim todo seu sabor, mas na falta deste também pode ser aproveitado desidratado. É uma erva excelente para plantar na horta doméstica, onde, além de fornecer um tempero delicioso, ainda é responsável por afugentar lesmas e caracóis. Uma antiga variedade de cerefólio foi muito cultivada na Europa e Estados Unidos. É o cerefólio-de-raiz, que assim como a cenoura, apresenta raízes comestíveis e tuberosas. Hoje em dia, esta variedade, rara em cultivo, é utilizada apenas na França, no preparo de sopas e caldos.

Deve ser cultivado sob meia sombra, em local fresco e solo fértil, drenável, rico em matéria orgânica e irrigado regularmente. Sob calor intenso a planta rapidamente torna-se adulta, amadurecendo as folhas e flores, ficando assim imprópria para o consumo, por isso é sempre desejável cultivá-la em canteiros frescos e humosos. O ideal, para que se tenha sempre cerefólio disponível, com folhas jovens e frescas é semeá-lo regularmente. As colheitas regulares também ajudam a manter a planta jovem. Multiplica-se facilmente por sementes.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Medicinal:

  • Indicações: galactagogo, infecções urinárias, congestão no fígado, cálculos renais, cálculos biliares, cólicas, alterações digestivas, coágulos sangüíneos, pressão alta, contusões, diabetes, enfermidades nervosas, gota, hemorróidas, histerismo, sinusite, alterações circulatórias, falta de memória, reumatismo
  • Propriedades: depurativo, diurético, refrescante, digestivo, analgésica, antiinflamatória, hidratante, hipotensiva, antioxidante
  • Partes Utilizadas: folhas, sementes, raízes

Alerta:

A seiva da planta pode irritar a pele, principalmente se ocorrer sob o sol. Geralmente ao utilizar cortadores de grama ou roçadeiras, a seiva dos cerefólios pode entrar em contato com a pele provocando as irritações. Assim como com outras plantas da família Apiaceae, algumas pessoas podem ser alérgicas ao cerefólio.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *