Como se tornar um paisagista?

Thiago Anderson
Thiago Anderson é paisagista e
proprietário da Botanical Garden

Ao longo da minha carreira (apesar de não ser muito grande ainda), muitas pessoas me perguntaram e ainda perguntam:

Que tal ganhar dinheiro fazendo o que mais ama?

Jardinagem e Paisagismo

Se você adora estar entre as plantas e sujar as mãos de terra como eu, pode transformar a sua vida agora mesmo através da profissionalização. Seja feliz hoje, não deixe para depois.

– Como me torno um paisagista?

Confesso que acho essa uma pergunta meio complicada, de se responder assim “na lata”. Mas por educação sempre orientei as pessoas a procurar algum curso, pois existem diversas instituições que os oferecem.

Que tal ganhar dinheiro fazendo o que mais ama?

Jardinagem e Paisagismo

Se você adora estar entre as plantas e sujar as mãos de terra como eu, pode transformar a sua vida agora mesmo através da profissionalização. Seja feliz hoje, não deixe para depois.

Quero saber mais

Mas pensando com calma, até que dá para responder uma parte da pergunta.

Primeiramente, acho que tem gostar o suficiente de plantas, terra, cálculos, e etc. Além de gostar, tem que ter uma certa vocação e uma pitada de criatividade, pois sem essa última, creio que não sairão muitos projetos da cachola. Para quem está iniciando, o ideal seria primeiramente fazer cursos de jardinagem, ou de noções de jardinagem, para ir se familiarizando. Uma frase que eu ouço muito por aí, e particularmente, além de não concordar, não gosto muito é a de que “Paisagista não é Jardineiro, e Jardineiro não é Paisagista”.

Comecei a trabalhar com plantas aos 16 anos de idade, vendendo grama, terra e outros suprimentos para paisagismo no Box de um amigo meu. Certa vez, montei um vaso para uma cliente, ali mesmo no Ceasa. Confesso que não ficou lá aquelas coisas, mas a cliente adorou! Daí por diante começaram a aparecer os pequenos jardins para fazer. Mas como sem conhecimento algum? Eu e outro amigo que trabalhava comigo também na época, começamos então nossa empreitada, de fazer um jardim aqui e outro lá, basicamente com informações que colhíamos dos paisagistas que eram clientes do Box! Terça e sexta eram sagradas, aguardávamos os clientes não para fazer vendas, e sim para fazer perguntas… E por aí foi, por alguns anos. Éramos intitulados “jardineiros”. Decidimos fazer cursos de paisagismo, muitos anos depois, e ainda assim, não me importo quando me chamam de jardineiro (o que é muito constante, pois trabalho com condomínios, e os funcionários não costumam saber a diferença).

Mesmo na época que não tinha curso algum, nem o do “Manequinho Lopes” que não conseguimos concluir por falta de tempo, modéstia a parte, dávamos um show em muitos paisagistas, alguns recém formados, e outros já com alguns anos de estrada.

Voltando ao foco principal do artigo, acho que primeiramente é necessário conhecer bem com o que você vai trabalhar, e nada melhor do que colocando a mão na massa. Já com um conhecimento básico do assunto, é hora de procurar um bom curso de paisagismo. Hoje existem escolas que oferecem cursos de paisagismo, classificados como “cursos livres”, no qual se aprende bastante coisa, sem diploma ou graduação. E existem aquelas que oferecem o curso técnico de paisagismo, o qual além de ser mais abrangente, lhe oferece o título de “Técnico em Paisagismo”, lhe proporcionando maior amplitude no mercado de trabalho. Para quem quer ir mais além, existe o curso de “Arquitetura”, de ensino superior, o qual lhe renderá o título de “Arquiteto(a)-Paisagista”.

Daí por diante é arregaçar as mangas e ir ao trabalho!

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

3 comments on “Como se tornar um paisagista?

  1. Jardineiro ou Paisagista,acredito,que o fascínio e encantamento pelo trabalho de vocês é o mesmo.Parabéns Thiago Anderson .Sou uma eterna aprendiz e fã do trabalho de jardinagem.

Os comentários estão fechados.