Arranjo fácil: Abóbora outonal com suculentas

Ahhh o Outono, com suas paletas de cores quentes e aconchegantes, o ar fresco… Quem não gosta? Eu particularmente amo as abóboras típicas dessa época, que agora não existem somente na cor laranja, temos as brancas, as verdes, as pretas, as listradas, as minis e outras variedades de formas e tamanhos. O sabor suave e amanteigado, e a vibrante cor laranja começa a aparecer em refogados, sopas e tortas. Eu tenho um amo especial por essa fruta. E a danada, se for deixada lá quietinha, dura o ano todo. É incrível a durabilidade dela.

Que tal ganhar dinheiro fazendo o que mais ama?

Jardinagem e Paisagismo

Se você adora estar entre as plantas e sujar as mãos de terra como eu, pode transformar a sua vida agora mesmo através da profissionalização. Seja feliz hoje, não deixe para depois.

E adivinha só? Podemos fazer um belíssimo arranjo com suculentas e aproveitar a beleza das abóboras em um centro de mesa, ou onde mais a sua imaginação permitir. Que tal dar esse charme para a sua cozinha nessa estação? Imagina o sucesso que não vai fazer na decoração de páscoa?

Vamos ao passo a passo?

Que tal ganhar dinheiro fazendo o que mais ama?

Jardinagem e Paisagismo

Se você adora estar entre as plantas e sujar as mãos de terra como eu, pode transformar a sua vida agora mesmo através da profissionalização. Seja feliz hoje, não deixe para depois.

Quero saber mais

Este arranjo pode ser feito em duas versões, com efeito bem parecido. Nesta primeira opção, você não fere a abóbora, e apenas monta o arranjo sobre a superfície dela, utilizando suculentas artificiais.

Abóbora Outonal Preservada

Você vai precisar de:

  • 1 abóbora redonda, preferencialmente com uma boa depressão no centro
  • suculentas artificiais de tamanhos e cores diferentes
  • cola quente
  • musgo preservado

Passo 1:

Aplique cola quente sobre a superfície da abóbora, bem na região deprimida, e vá fazendo uma cama com o musgo preservado.

Passo 2:

Cole cuidadosamente cada suculenta artificial, montando a sua composição. Uma maneira fácil de criar seu design é colocando os itens maiores e mais altos no meio. Coloque as suculentas maiores no centro. Imagine uma peça floral central, as flores mais altas estão no centro, com as menores e mais claras nas bordas ou nos lados. Vá arrumando do jeito que gostar mais.

Passo 3:

Apenas com as suculentas o arranjo já fica lindo. Mas você pode finalize com ramos seco, folhas coloridas e o que mais a sua imaginação mandar. E voilá! Está pronto o seu arranjo.

*Esse arranjo é muito durável! Enquanto a abóbora estiver bonita ele ficará intocado. Se desejar, pode usar a abóbora depois normalmente, na cozinha, descartando a casca que foi colada com cola quente.

Abóbora Outonal Natural

Você vai precisar de:

  • 1 abóbora redonda de qualquer cor, com bom tamanho
  • suculentas naturais de tamanhos e cores diferentes
  • musgo preservado
  • cola quente
  • faca e colher
  • substrato para suculentas
  • vaso plástico simples

Passo 1:

Corte cuidadosamente suculentas de diferentes tipos, cores e tamanhos. Depois de ter cortado as suculentas, deixe secar. Por que? Como elas serão colocadas no arranjo ou plantadas em um meio, elas precisam formar um calo primeiro, que é a cicatriz. Caso contrário elas correm o sério risco de apodrecer. Deixe-as por 24 horas em local sombreado, seco e fresco. Com as suculentas já cicatrizadas, proceda ao passo 2.

Passo 2:

Corte um buraco na parte superior da abóbora, do tamanho exato da boca do vaso plástico, para que ele encaixe dentro do buraco. Limpe bem o interior da abóbora com a colher, removendo todas as sementes e a parte com fibras macias.

Passo 3:

Encaixe o vaso na abóbora e remova o excesso com uma tesoura se necessário. Para que não fique aparente. Preencha o vaso com substrato próprio para suculentas e plante-as uma a uma, montando a sua composição.

Passo 4:

Cubra os espaços onde aparece o substrato e o vaso com o musgo preservado, colando com cola quente. Enfeite com algum passarinho, ramo ou folha seca e prontinho. Já pode decorar a sua mesa. Não esqueça de regar as suculentas com uma colherinha de chá apenas de cada vez. Lembre-se que o vasinho não tem furos de drenagem. Ele funciona como um terrário aberto.

*Neste arranjo, a abóbora tende a deteriorar e pode ir para a compostagem depois. O vasinho com suculentas pode ser reaproveitado e as plantas já estão todas plantadinhas.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.