Capim-chorão – Eragrostis curvula

O capim-chorão é uma gramínea perene, rizomatosa, de folhagem bastante decorativa. Sua folhas são longas, lineares, curvas e muito finas, com cerca de 50 cm de comprimento e 4 cm de largura, e dão à touceira um aspecto bastante denso, como uma cabeleira verde. As inflorescências surgem no verão e no outono acima da folhagem e são eretas, com flores pequenas e claras, sem importância ornamental.

Devido à sua rusticidade e beleza, o capim-chorão torna-se uma excelente escolha para a formação de bordaduras, grupos irregulares ou maciços. De baixíssima manutenção, também presta-se como forração, principalmente em taludes, onde pode demonstrar sua grande capacidade de controlar a erosão. É muito cultivada também como pastagem, apresentando boa palatabilidade mesmo quando suas folhas já estão maduras. Ainda dá um bom feno.

Devem ser cultivados sob sol pleno, não sendo exigente quanto ao solo, no entanto prefere solos férteis, arenosos e bem drenáveis. As regas devem ser regulares até o perfeito estabelecimento da planta, após este período torna-se tolerante à seca. Também é tolerante ao frio e rebrota bem, mesmo após queimadas, roçadas ou pastejos. Multiplica-se por sementes e por divisão das touceiras.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Alerta:

Pode se tornar invasiva em algumas situações.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo