Samambaia-paulista – Nephrolepis pectinata

As samambaias-paulistas são muito rústicas e podem ser plantadas diretamente no solo, à meia-sombra. Com cerca de 40 cm de altura, apresentam folhagem quase ereta, bastante diferente de outras samambaias, que são normalmente pendentes. A samambaia-paulista é muito indicada como forração, assim como bordaduras junto a muros e em vasos e jardineiras. É freqüente sua comercialização como planta de corte, onde é responsável pela composição de lindos buquês com flores.

É resistente ao frio e muito vigorosa, tornando-se planta invasora em muitos casos. Como as outras samambaias, aprecia a umidade e o calor. Deve ser cultivada a meia-sombra ou sombra em substrato leve e enriquecido com matéria orgânica, com regas freqüentes. Tolera bem a incidência solar direta, desde que não seja pelo dia todo. Multiplica-se por esporos e divisão das touceiras.

Raquel Patro é editora do site Jardineiro.net e uma pessoa totalmente fascinada pela natureza, principalmente por plantas e jardins. Criou o site Jardineiro.net para disseminar sua paixão, contagiando novos adeptos e entusiasmando os antigos.

Publicado em Diretório de Plantas Marcado com:

Newsletter

Receba grátis as novidades
do Jardineiro.net no seu e-mail

Seja nosso fã