Papoula-oriental – Papaver orientale

 Papaver orientale, Papoula-do-oriente

A papoula-oriental é uma florífera anual de flores grandes, geralmente simples, com pétalas muito finas e delicadas de coloração vermelha com uma pequena mancha preta próximo à base. No entanto há variedades de flores semidobradas e dobradas, coloração salmão e rosa, assim como variedades anãs. As variedades hortícolas mais populares são “Album”, “Grandiflorum”, “Immaculatum”, “Semi-plenum” e “Nanum”. A folhas das papoulas-orientais são profundamente lobadas, apresentam bordos serrilhados e coloração verde-clara, um pouco acinzentada devido aos numerosos e curtos tricomas (pêlos). As hastes que sustentam as flores são eretas e longas, muito hirsutas também.

Adequadas para a formação de maciços e bordaduras, sua beleza no entanto é de curta duração, pois suas flores são muito sensíveis e de pouca resistência. Podem ser plantadas em vasos também, sempre sob sol pleno ou em estufas. Suas sementes pequenas e crocantes têm ampla utilização culinária, acrescentando sabor e decorando diversos pratos doces e salgados.

Devem ser cultivadas sob sol pleno em solo fértil e enriquecido com matéria orgânica, com regas periódicas. Aprecia o frio subtropical ou mediterrâneo, florescendo com maior intensidade em países de clima ameno. O período de floração se estende do final da primavera até meados do verão. Multiplica-se facilmente por sementes.

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *