Abacaxi-roxo – Tradescantia spathacea

Compartilhe:

O abacaxi-roxo é uma planta herbácea, rizomatosa, de folhagem perene e colorida, cultivada em diferentes regiões tropicais do mundo por suas qualidades como ornamental. Ela forma rosetas densas e simétricas, com suas folhas eretas, côncavas e lanceoladas. Tipicamente, as folhas apresentam a página superior verde oliva e a inferior violácea, mas há uma variedade de folhas totalmente verdes, a ‘Concolor’, e uma de folhas variegadas, com listras vermelhas e amarelas, a ‘Vittata’. À medida que a planta vai crescendo e as folhas mais inferiores vão caindo, o caule curto é revelado, mas dificilmente a planta cresce além de um metro de altura. Floresce na primavera e verão, despontando inflorescências em rácemos, nas axilas foliares. As inflorescências são formadas por pares de brácteas, que lembram pelo formato um pequeno barco ou canoa, e pequenas flores brancas, trímeras e efêmeras, de pouca importância ornamental. O fruto formado é do tipo cápsula.

Detalhe das flores. Foto de  Forest & Kim Starr

Detalhe das flores. Foto de Forest & Kim Starr

No paisagismo, o abacaxi-roxo é uma forração tropical por excelência. O colorido atrativo da sua folhagem, assim como a textura peculiar e o efeito geométrico das rosetas, cria contrastes interessantes no jardim. Utilize em maciços ou bordaduras sob sol pleno ou meia sombra, aposicionados a gramados bem cuidados, forrações de cores distintas ou em composições com outras plantas igualmente geométricas, como agaves e bromélias por exemplo. Também é perfeito para jardins rochosos, crescendo entre as fendas. Pode ser plantado, ainda, em vasos e jardineiras e é uma planta de eleição para terrários.

Pode ser cultivado em diferentes condições de luminosidade, desde o sol pleno até a luz difusa de ambientes internos. Prefere solos ricos em matéria orgânica, porém perfeitamente drenáveis. Ainda assim, é capaz de vegetar sobre solos pobres e rochosos. Aprecia as irrigações, principalmente nos primeiros meses após o plantio. Depois de bem adaptado torna-se tolerante a curtos períodos de estiagem. Uma poda drástica anual, realizada no início da primavera, pode lhe renovar o vigor e a beleza da folhagem. Se receber uma boa cobertura, ele é capaz de resistir ao frio intenso e até mesmo geadas. Multiplica-se facilmente por divisão das touceiras, estaquia dos ramos ou por sementes.

Compartilhe:

Alerta:

Pode se tornar invasiva em determinadas situações. A seiva pode provocar irritações e queimaduras na pele. Utilize luvas ao manipular a planta. Planta tóxica, manter fora do alcance de crianças e animais domésticos.

Conte-nos sobre sua experiência com esta espécie

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Publicado em Diretório de Plantas

Newsletter

Receba grátis as novidades
do Jardineiro.net no seu e-mail

Seja nosso fã

Visite o perfil de Jardineiro.net no Pinterest.