Paisagismo em Condomínios

Jardim em condomínio
Jardim Externo em Condomínio

Hoje, paisagismo virou sinônimo de qualidade de vida. Afinal, através de um estudo paisagístico, conseguimos ambientes mais agradáveis, com a criação, também, de espaços de convivência, tanto para os adultos, os jovens, as crianças, quanto para os idosos, aproveitando de maneira eficiente, as áreas de uso comum nos condomínios.

Devemos observar que existem diferenças importantes na elaboração de jardins residenciais e de condomínios.

Nas residências, geralmente se trabalha sobre o terreno natural, e nos condomínios, principalmente os verticais, o projeto é desenvolvido sobre laje, a qual geralmente serve de cobertura para as garagens, nos subsolos.

Jardim em condomínio
Jardim de Condomínio

Isso necessita de cuidados especiais, como a impermeabilização dessas lajes, a qual deve ser feita com manta asfáltica, e sempre com a consultoria de empresa especializada.

Além disso, temos que tomar cuidados quanto às espécies escolhidas para a composição dos jardins, principalmente com relação ao porte (muitas vezes os espaços são pequenos), às raízes (para que a impermeabilização não sofra danos), e à insolação (importante para o desenvolvimento das espécies), sendo assim, é interessante que haja a consultoria de profissional qualificado, seja ele, um arquiteto ou um paisagista.

Outro diferencial, é que nos condomínios estamos lidando com as necessidades e opinões de várias pessoas, e chegar num acordo, nem sempre é tarefa fácil. Mas, através de reuniões com uma comissão eleita pelo condomínio, são discutidas as possíveis intervenções paisagísticas e de reforma, que aprovadas, procuram contemplar e beneficiar a maioria dos moradores.

Texto e Fotos: Patrícia Siqueira Cosignani

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo