8. Planejando seu jardim: Princípios de Paisagismo

Os diferentes projetos de paisagismo variam de acordo com as necessidades e preferências de cada família, no entanto, projetos de sucesso certamente contém alguns princípios em comum.

O contraste de flores e folhas pode nos fornecer a ênfase necessária a um ponto focal. Foto de ukgardenphotos
O contraste de flores e folhas pode nos fornecer a ênfase necessária a um ponto focal. Foto de ukgardenphotos
O paisagismo tem unidade quando seus aspectos predominantes têm características visuais em comum. Por exemplo: plantas com textura, cor e forma semelhantes podem criar unidade tanto no seu jardim, como com a vizinhança. Este princípio também se aplica a gramados, forrações e materiais de pavimentação. A repetição de padrões, cores e texturas em locais diferentes auxiliam a criar e fortalecer a unidade no paisagismo.

Plantas e estruturas de importância visual semelhante ajudam na formação do equilíbrio em um projeto de paisagismo, outro importante princípio. Através da cor, forma, textura, tamanho e outras características, você pode dirigir a atenção a diferentes áreas do terreno. O equilíbrio pode ser simétrico (ou formal), em que cada lado da fachada ou jardim tem padrões similares, ou assimétrico (informal), em que cada lado atrai a mesma atenção, sem que, no entanto, os objetos ou plantas se repitam.

Áreas de realce ou pontos focais para os quais a atenção é projetada criam ênfase e mantém tanto a unidade como o equilíbrio longe de se tornar monótonos. Um simples contraste nas cores, texturas, formas ou alturas, tais como os fornecidos por um banco, árvore, piscina ou maciço de flores, podem prover a tão importante ênfase.

Jardim fora de escala. Arbustos muito pequenos em relação à construção. Foto de Damon Jordan
Jardim fora de escala. Arbustos muito pequenos em relação à construção. Foto de Damon Jordan
199766728_887baa1f58_zJardim na escala. Repare também nas linhas curvas, na unidade e no equilíbrio assimétrico. Foto de Jason Tester
A escala se refere ao relacionamento entre os tamanhos das plantas, estruturas e espaços abertos. Um arbusto com 1,5 metros de altura e a mesma medida de largura pode ser muito grande, e fora de escala, se ficar em frente a uma janela baixa. No entanto, se o mesmo arbusto for colocado em frente a um arranha-céu, ele também estaria fora de escala, porque neste caso seria muito pequeno. Em muitos projetos residenciais, o uso de agrupamentos de plantas compensará o efeito de algumas plantas insuficientemente largas.

Seu terreno inteiro pode ser considerado um bloco de espaço, com dimensões de altura, largura e profundidade. Plantas, cercas e construções são usadas para dividir o lote em espaços menores de convivência de forma análoga aos cômodos da sua casa. Estes “cômodos externos” devem ter identidades próprias e precisam satisfazer as necessidades de uso da área. Estes cômodos também necessitam ter aberturas que direcionam o movimento de um para outro.

As linhas podem ser retas ou curvas. Paisagistas geralmente distribuem pátios, deques e maciços usando linhas retas que são paralelas ou perpendiculares às linhas do terreno e da casa. Com igual sucesso, e de forma mais natural, os projetos podem ser criados com linhas curvas. Linhas retas e curvas podem ser combinadas em um projeto, mas é difícil para um projetista iniciante fazer isso com êxito.

4942714164_e966c05dc0_z
Um jardim clássico formal. É possível observas as linhas retas, unidade e simetria. Foto de
Mark e And
Estes princípios de paisagismo irão ajudar você a dar formas específicas às áreas que você identificou nos seus esboços. Mas você não pode projetar um jardim baseando-se apenas na localização e tamanho das plantas e estruturas, os componentes principais do jardim. Você também deve selecionar as plantas e materiais apropriados.

Em outras palavras, a partir dos princípios de paisagismo, você poderá atingir a localização e o formato apropriado para um canteiro ou maciço. Mas você deve decidir quais plantas colocar neste local. Da mesma forma, você deve decidir qual pavimento utilizar no pátio, assim como qual tamanho este pátio deve ter.

Aqui no site Jardineiro.net, você obtém em cada ficha técnica de planta, qual o tamanho em altura, aproximado para cada espécie. Também, ao clicar sobre um determinado tamanho, você obtém uma lista com todas as plantas que atingem este tamanho, o que facilita bastante a sua escolha. Aproveite este recurso para auxiliá-lo na escolha das plantas.

Tanto as plantas como os materiais construtivos podem ser selecionados por sua forma, textura e cor. Você precisa manter estes elementos na sua composição paisagística enquanto prossegue em direção ao final do seu projeto paisagístico.

Artigo anterior: 7. Planejando seu jardim: Faça Esboços
Próximo artigo: 9. Planejando seu jardim: Selecione as plantas

Se este artigo ajudou você. Então compartilhe este artigo e ajude a divulgar essa informação.

Conte-nos sua experiência sobre o assunto deste artigo